Precisa de estratégias de marketing que ajudem a aumentar as vendas?

Business

O objetivo do marketing é aumentar a conscientização e as vendas do seu produto. Muito simples, certo?

Bem, o problema é que o marketing sem uma estratégia clara é como pescar sem isca. Você pode pegar algo, mas os resultados são duvidosos, na melhor das hipóteses.

Para comercializar efetivamente seu produto ou serviço, você precisa definir claramente uma estratégia. Isso inclui responder a perguntas como:

  • Qual é o seu público alvo?
  • Quais são os pontos problemáticos ou problemas que eles estão tentando resolver?
  • Como seu produto ou serviço pode atender às suas necessidades?
  • Onde você os encontra no mundo real e online?

Para que qualquer estratégia seja eficaz, você precisa alinhar marketing e vendas . Em um contexto de inbound marketing, isso pode incluir como você alimenta seu cliente em potencial através de seu funil de lead e quando trazer um cliente em potencial do marketing para a equipe de vendas.

Ao desenvolver sua estratégia de marketing, é importante ter em mente vários elementos de sua abordagem.

Aqui está um detalhamento de cada etapa que você precisa seguir ao desenvolver uma estratégia de marketing para alinhar vendas e marketing e impulsionar o crescimento das vendas de maneira eficiente.

Primeiro, entenda seu cliente

O primeiro passo para o desenvolvimento de qualquer estratégia de marketing é entender seu comprador – quem eles são, por que seu produto é a solução perfeita para o problema deles e onde eles vão buscar as informações necessárias para resolver esse problema.

Para identificar melhor seu cliente ideal, aqui estão alguns passos simples a seguir:

1. Comece Pesquisando Clientes, Leads e Prospectos.

Você deve começar coletando informações relevantes sobre seus clientes. Há muitas maneiras de obter informações sobre seus clientes atuais e potenciais.

Para clientes atuais:

  • Realize pesquisas regularmente para avaliar o que os clientes pensam sobre seus produtos ou serviços.
  • Forneça incentivos e entreviste os clientes para que você possa ter conversas aprofundadas com pessoas que usam seus produtos ou serviços.

Para clientes potenciais e leads:

  • Usando os dados que você já tem sobre leads e clientes em potencial, aborde os com perguntas relevantes e direcionadas às quais eles possam responder.
  • Pesquise seus perfis de mídia social, incluindo o LinkedIn e o Twitter, e aprofunde-se na presença on-line da empresa também.

Como você pode ver, entrevistar pessoas desempenha um papel importante no seu processo de pesquisa. Durante cada entrevista, certifique-se de fazer perguntas sobre o seguinte:

  • Sua experiência pessoal
  • Seu papel e responsabilidades no trabalho
  • Sua companhia
  • Seus objetivos e desafios
  • Suas preferências para compras
  • Seus recursos favoritos para informação

2. Liste os benefícios que seus produtos ou serviços oferecem.

Os clientes não compram produtos; eles compram soluções. É por isso que você precisa entender completamente seus produtos ou serviços da perspectiva de seus compradores.

Faça uma lista dos benefícios que seu cliente receberá ao comprar seu produto ou se inscrever em seus serviços. Essa lista deve incluir benefícios tangíveis, como melhorar a produtividade no local de trabalho e benefícios intangíveis, como sentir uma sensação de paz de espírito.

Lembre-se, você está comercializando e vendendo para humanos, então contabilizar esses dois tipos de benefícios é importante. Há um componente tangível que os compradores apreciam, mas também há aquele aspecto emocional que também importa. Na verdade, quando você cria conteúdo para fins de marketing, você deve criar conteúdo que provoque reações emocionais em seu público-alvo.

3. Identifique claramente os problemas do seu cliente ideal.

Que problema seu cliente em potencial tem que você pode resolver? Se você identificou seu cliente ideal corretamente, ele pagará para resolver seu problema! Às vezes os problemas deles são óbvios; às vezes eles não são claros. É por isso que é importante mergulhar fundo na sua pesquisa.

Quanto mais você puder identificar seu cliente ideal, mais fácil será direcionar sua mensagem, seu canal de entrega e sua solução para o problema. Compreender o seu cliente e as suas necessidades pode ajudá-lo a criar personas precisas do comprador.

4. Use sua pesquisa para criar personas do comprador.

As personas do comprador são arquétipos semi-ficcionais criados com base nos dados reais do cliente. Eles são o seu cliente ideal, a pessoa com maior probabilidade de comprar o seu produto.

À medida que você as constrói, verifique se você é específico. Forneça detalhes concretos para todos os aspectos.

Quantos anos eles tem? Masculino ou feminino? Onde é que eles vivem? Qual é o cargo deles? Onde eles pesquisam informações? Isso ajudará você a direcionar melhor sua estratégia de marketing.

A HubSpot fornece uma incrível ferramenta Make My Persona,  que guia você em todas as etapas do processo. Você cobre as seguintes áreas:

  • Dados demográficos pessoais, incluindo:
    • Idade
    • Nível mais alto de educação
    • Redes sociais
    • Indústria
    • Tamanho da organização
  • Método preferencial de comunicação
  • Ferramentas que eles precisam para fazer seu trabalho
  • Responsabilidades do trabalho
  • Como seu trabalho é medido
  • Como eles ganham informações
  • Para quem eles relatam
  • Metas ou objetivos
  • Maiores desafios
  • Uma história capturando suas qualidades pessoais e profissionais

Em seguida, defina sua vantagem competitiva e mensagens

Depois de saber exatamente quem você está segmentando com sua estratégia de marketing, você pode começar a explorar o que ajuda sua empresa a se destacar da multidão. Em outras palavras, você precisa encontrar sua vantagem competitiva.

5. Explique sua vantagem competitiva para você mesmo.

Ao fazer isso, você precisa se concentrar em três aspectos:

  • O preço que você cobra
  • Os produtos ou serviços que você oferece
  • A experiência geral do cliente

Quando você estiver escrevendo sobre sua vantagem competitiva, verifique se está fazendo pesquisas suficientes. É aí que a análise dos concorrentes é útil.

Analise os recursos dos concorrentes de seus produtos ou serviços e liste seus preços e até mesmo avaliações de clientes, se possível. Mantenha a análise de seu concorrente em uma planilha para que você possa construí-la à medida que mais concorrentes acessarem seu espaço.

Além disso, atualize sua análise regularmente para manter seus olhos em como seus concorrentes estão dinamizando e desenvolvendo seus produtos ou serviços.

Quanto mais claro você for ao definir sua vantagem competitiva, mais fácil será criar sua mensagem para sua estratégia de marketing. Quais são os benefícios, resultados ou resultados específicos que um cliente em potencial receberá ao adquirir seu produto/serviço que eles não receberiam de seu concorrente? Concentre-se nos benefícios.

Para tornar sua vida mais fácil, você também deve investir nas ferramentas certas para aprofundar o desenvolvimento de seus concorrentes e executar suas estratégias de marketing. Quando estiver pronto para criar sua própria estratégia, você poderá identificar oportunidades para aproveitar, como criar conteúdo para superar concorrentes em palavras-chave e consultas de pesquisa relevantes.

6. Mapeie sua estratégia de marketing de conteúdo para seu público.

Hoje você tem mais canais de entrega do que nunca. Embora os anúncios em jornais e rádios estejam em declínio, eles ainda podem ser opções viáveis ​​para transmitir sua mensagem.

Mas o mais provável é que o inbound marketing seja uma opção mais poderosa. Compreendendo seu cliente e onde eles buscam informações, você pode segmentar sua mensagem e enviá-la pelo canal em que é mais provável que ela a veja e aja de acordo com ela.

O marketing de conteúdo terá um papel significativo na sua abordagem de inbound marketing porque o marketing não é mais  um meio estritamente orientado para vendas – é  um meio de compartilhamento de informações.

No mundo digital de hoje, as compras dos clientes começam online. Aumentar as vendas hoje é menos sobre a venda difícil; é mais sobre construir relacionamentos e confiança por meio de engajamento social e compartilhamento de informações.

Para melhor educar o seu público, você precisa saber qual conteúdo fornecer, quando e onde. É aqui que o mapeamento de conteúdo é útil.

Uma medida não serve para todos em termos de marketing de conteúdo. O mapa de conteúdo é sua melhor ferramenta para planejar como fornecer o conteúdo certo para as pessoas certas no momento certo. Ao construir seu mapa, você precisa considerar o seguinte:

  • As características do seu leitor, que é onde as personas que você definiu anteriormente vêm a calhar.
  • Onde seu leitor está na jornada de compra (em outras palavras, em que estágio do ciclo de vida eles estão?)

O mapa de conteúdo ajuda você a planejar ideias de conteúdo sob medida para cada persona, em cada estágio do ciclo de vida (conscientização, consideração e decisão).

7. Determine uma estratégia de mídia social para direcionar o tráfego.

Nutrir um cliente desde a descoberta até a venda requer um processo. Se você entende seu mercado (personas do comprador) e define seu produto, o engajamento de mídia social é o método de entrega perfeito.

O marketing de conteúdo oferece melhor acesso a leads qualificados, mais canais para vender seu produto e um custo menor para adquirir clientes.

Ao envolver clientes em potencial em sites como LinkedIn, Facebook, Instagram e Pinterest, você pode direcionar clientes em potencial para o seu site, onde seu blog pode fornecer informações que responderão às perguntas deles, abordarão seus pontos problemáticos e oferecerão soluções ao mesmo tempo. relacionamentos que resultam em mais vendas.

Encontre grupos e discussões para participar nas redes sociais para fornecer valor onde o seu público provavelmente se encontra.

Personalização de vendas e marketing

Hoje, aumentar as vendas exige personalizar sua abordagem em todos os pontos de contato com o cliente. Isso significa que marketing, vendas e serviços precisam trabalhar juntos para entender melhor quem são clientes e possíveis clientes e como melhor ajudá-los em todas as etapas do caminho.

Quando você está criando suas estratégias de marketing para impulsionar os resultados de vendas, você precisa ser empático em todas as etapas mencionadas acima. Coloque-se no lugar do seu comprador ideal para entender melhor a perspectiva deles sobre sua empresa e assim aperfeiçoar suas mensagens e entregá-las onde eles mais frequentam.

Ao concentrar suas estratégias nas necessidades de seus clientes e agregar valor de maneira direcionada, você pode aumentar as vendas e desenvolver relacionamentos que durarão por toda a vida.

Precisa melhorar seus resultados digitais?
Fale agora com um especialista em resultados!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

dois + 12 =

Menu